Jesus, Rei de nossa vida


     Jesus não é um rei como os outros. Seu Reino é de Paz, de Amor e de Perdão. O Reino de Jesus nunca se manifestou como um perigo ou uma ameaça. Ele é soberano, verdadeiro e autêntico, e veio ao mundo para servir em total humildade. Devemos ser submissos e nos ver como realmente somos, reconhecendo os talentos concedidos por Deus, também as fraquezas e nos aceitarmos, conscientes que, apesar de tudo, Deus nos ama. 

     Este conhecimento dá-nos uma alegria grande, mas, ao mesmo tempo, chama-nos à responsabilidade, que implica serviço e submissão. Devemos nos doar porque somente assim podemos compreender o dom do sacrifício de Jesus na Cruz, que pode ser chamado de “a vitória do amor”.

     Jesus nos ensinou a amar o próximo, inclusive, e ainda mais, nossos inimigos. E Ele permanece coerente às Suas palavras até o fim: “Ninguém tem maior amor do que este: dar a vida pelos próprios amigos (Jo 15, 13). Por causa desse amor, Jesus suportou a presença até mesmo de quem o traiu, sem denunciá-lo; não permitiu que Pedro O defendesse com a espada, e quando este o negou, soube generosamente perdoá-lo. Quem, em nome de Jesus, conduz sua própria vida para este amor, contribui mais do que qualquer outro para a instalação do Reino de Deus na Terra. 

     A humanidade precisa compreender o dom do sacrifício de Jesus na Cruz, que é o maior dom dentre todos os demais. Oferecendo seu Filho a nós, Deus nos doou seu próprio coração, todo seu amor em profundidade. Não existe mais belo e maior dom do que este. Temos o direito de receber seu dom somente se nos colocamos totalmente em Suas mãos, para que nos transforme e nos plenifique com sua Graça.  Assim, transformados e convertidos, também podemos ser portadores de graças para os outros. Podemos ser olhos para os cegos, ouvidos para os surdos, voz para mudos, mãos e pés para os necessitados. Jesus é o Rei do mundo, o dom maior. Que Deus nos ajude a acolher Jesus como Senhor de nossa vida, de modo que possamos, com fidelidade, cooperar na instalação de seu Reino de amor, de justiça e de paz. 

Colaboração Izabel Dadalto Armani
Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home