Lutar pela garantia de direitos da juventude é a minha vida

Natural de Lagoinha, região do Vale do Paraíba, Estado de São Paulo, a pedagoga Therezinha de Souza, de 58 anos, é presença certa nas atividades ligadas à ação social realizadas pela Inspetoria e pela Rede Salesiana Brasil no Polo São Paulo. Salesiana Cooperadora e, atualmente, na função de gerente de serviço no Centro de Desenvolvimento Social e Produtivo do Centro Juvenil Salesiano Dom Bosco, ela conta um pouco dos seus quase 40 anos de trajetória profissional e salesiana


     Quais as principais carências e as principais virtudes que você percebe nos jovens atendidos no Centro Juvenil Salesiano Dom Bosco? 

     As principais carências são os conflitos familiares, escolaridade fragilizada, desemprego tanto do jovem como dos membros da família, baixa autoestima, insegurança. Já como virtudes percebo a abertura para o diálogo, companheirismo, respeito, protagonismo, disponibilidade, guerreiros e muita fé. 


"A missão salesiana todos os dias me ensina a não esquecer que Deus nos colocou no mundo para os outros, principalmente para as crianças, adolescentes e jovens em situação de vulnerabilidade"


     Atualmente como são seus dias na trajetória salesiana? 

     Sou cooperadora salesiana há 23 anos e, além do trabalho semanal na obra social, desenvolvo também trabalho voluntário na Paróquia São João Bosco. Já trabalhei em oratório, na coordenação da catequese de preparação para a eucaristia por 10 anos. Hoje dedico todo o meu tempo à juventude da obra social, mesmo porque temos algumas atividades aos finais de semana junto à paróquia. Só tenho a agradecer a Deus, Nossa Senhora e Dom Bosco por tantas graças recebidas nestes 36 anos que venho dedicando minha vida à juventude. 

     Quais os diferenciais que você percebe entre uma obra social salesiana e outras instituições não governamentais direcionadas aos jovens? 

     O nosso diferencial está em acolher o jovem na sua totalidade, isto é, formá-lo para vida. Sendo assim, nosso espaço sempre deve ser uma casa que acolhe, uma Igreja que evangeliza, uma escola que os prepara para a vida e um pátio para se encontrar com os amigos. Penso que os ensinamentos que Dom Bosco nos deixou dizem claramente que precisamos acreditar e acompanhar os jovens na certeza de um amor vivido e demonstrado. De acordo com avaliações feitas com nossos jovens, o que fica marcado para eles é sempre a acolhida que recebem, o acompanhamento e a preocupação com que cada educador tem para com eles. Não vejo isso acontecer nas outras instituições.


"O testemunho que temos dos nossos jovens, sejam os que estão atualmente conosco ou ex-alunos, é que o trabalho que desenvolvemos fez e faz diferença na vida deles"


     O governo municipal está cortando verbas da educação profissional. Como isso pode impactar os jovens das obras sociais salesianas? 

     Os impactos poderão ser desastrosos, pois a grande maioria dos jovens atendidos depende desses serviços. São jovens que não têm outras oportunidades e sem condições de pagarem um curso com o diferencial das obras sociais. A educação pública bem sabemos como está. As obras salesianas proporcionam espaços que fazem a diferença na vida do jovem na sua totalidade. A situação é muito preocupante, mas estamos lutando na certeza de dias melhores. 

     Você acredita que o trabalho social salesiano realmente transforma os jovens em bons cristãos e honestos cidadãos?

     Com certeza, se não acreditasse não estaria nessa missão. O testemunho que temos dos nossos jovens, sejam os que estão atualmente conosco ou ex-alunos, é que o trabalha que desenvolvemos fez e faz diferença na vida deles, tornando-os bons cristãos e honestos cidadãos. Muitos encontram no acolhimento salesiano o sentido de suas vidas. 

     Qual a sua maior alegria em trabalhar com a juventude? 

     É ver todos os dias a alegria estampada no rosto de cada jovem que chega à nossa obra. É poder fazer parte de suas vidas, acolher, dar um abraço e ter a certeza que são guerreiros.

Fonte: Informativo Salesiano da Inspetoria Nossa Senhora Auxiliadora - SP


Therezinha com os jovens do Centro Profissionalizante do Centro Juvenil Salesiano Dom Bosco, obra social da Paróquia São João Bosco
Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home