Do Instituto Anjo da Guarda para as missões


     As noviças salesianas, que moram no popularmente chamado Instituto Anjo da Guarda, além dos seus estudos, trabalham na catequese da Paróquia São João Bosco, e com os jovens da obra social, o Centro Juvenil Salesiano Dom Bosco. Nas férias de julho, entre os dias 30 de junho e 7 de julho de 2019, participaram de Semanas Missionárias, juntamente com alunos e alunas dos colégios das irmãs Filhas de Maria Auxiliadora em diversas localidades do Estado de São Paulo: Arujá; Canas, Roseira e Tremembé (no Vale do Paraíba); Americana e Torre de Pedra; e em Cássia do Coqueiro (na região de Ribeirão Preto).

     De manhã, faziam visitas às casas das famílias, levando a bênção de Nossa Senhora Auxiliadora. À tarde, desenvolviam atividades recreativas, educacionais e pastorais com as crianças, adolescentes e jovens. O exercício do comprometimento e do amor foram evidentes.

     Noviças, Irmãs e Jovem Vocacionada participam da Semana Missionária na Inspetoria Santa Catarina de Sena. O encontro aconteceu na Inspetoria Santa Catarina de Sena a Semana Missionária, com alunos, educadores dos colégios das FMA, em diversas comunidades do estado de São Paulo. As noviças e Irmãs, da comunidade do Noviciado Interinspetorial Nossa Senhora das Graças-SP, participaram junto com os vários grupos desta ação evangelizadora. Jovem que evangeliza e anima outros jovens.  As comunidades que receberam a presença da juventude salesiana foram revigoradas e animadas através do anuncio da Palavra de Deus e pela alegria demonstrada pelos jovens no estilo salesiano. A seguir os depoimentos da jovem vocacionada, das noviças e irmãs que partilham suas experiências missionárias.




     “Fui enviada para a comunidade Santo Expedito, em Arujá-SP, que está sob os cuidados de Pe. Celso. Para mim, foi uma experiência de crescimento e de fortificar a vocação, a comunidade nos recebeu de forma muito calorosa e amiga, é um povo de muita fé, seus jovens são engajados e comprometidos com as pastorais em que atuam. Acredito que também para os missionários do Colégio Mazzarello foi uma experiência de fé e crescimento, estar junto a eles seja no oratório com as crianças, na Igreja e nas visitas às famílias. Os jovens missionários eram responsáveis e dedicados. Foi uma semana em que todos se doaram, tanto os missionários como a comunidade. O sentimento que tenho é de alegria e vontade de continuar a crescer. Ficamos na casa das Irmãs Missionarias da Santíssima Eucaristia (fundada por Pe. Celso), que nos acolheram com muita alegria e disponibilidade. Sou grata a Deus por esta oportunidade, estar em meio a eles e tecer novas amizades. Quem sabe se de Arujá surja alguma vocação Salesiana.”

Adriana Soares Dantas (noviça do primeiro ano) - Inspetoria Santa Teresinha/AM



     “Tive a oportunidade neste ano de ir com o Colégio Santa Inês, para a cidade de Torre de Pedra. Foi uma experiência rica e fecunda junto aos jovens e a comunidade que nos acolheu. Visitar as famílias, ter os momentos recreativos com as crianças e mulheres me fez crescer na capacidade de me colocar no lugar do outro, de estar mais sensível as necessidades ao meu redor e de ver o rosto de Deus em cada um e em cada realidade. Além de toda a vivência reafirmo que, estar com os jovens é sempre uma oportunidade de reavivar e confirmar a vocação.”

Bruna Rodrigues Lôbo (noviça do segundo ano) - Inspetoria Madre Mazzarello/BH 



     "A minha experiência na missão foi sensacional, pois aprendi muito com cada pessoa. Cada pessoa deixou algo muito especial. Fazer as bênçãos nas casas foi muito bom. Levar a palavra de Deus para pessoas que estão com pouca fé e com esse trabalho missionário, aumentamos a fé das pessoas. O momento do oratório foi muito gratificante, pois, ver a felicidades das crianças de estar ali conosco e estar brincando com elas, foi especial. Acho que da mesma forma que as pessoas aprenderam com nós missionários, nós também aprendemos muito com elas." 


Camile Pessutti Figueiredo – Vocacionada e Acólita na Paróquia São João Bosco, Alto da Lapa/SP



     “A Semana Missionária em Tremembé com os jovens do Instituto São José foi um tempo de graça, junto à comunidade da Imaculada.  Ficou forte para mim o contato com as famílias nas visitas nas casas e a presença das crianças e adolescentes no oratório. Pude perceber o quanto a comunidade é sofrida.  Mas apesar disso carrega a alegria e a esperança. Ficaram muito gratos pela amizade, pela vida partilhada. Obrigada por mais essa oportunidade de missão e conversão. ”


Ir. Celia Regina Pinto - Inspetoria Santa Catarina de Sena/SP



     “Tive a alegria de realizar a Semana Missionária em Americana- SP. Na Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora, junto à comunidade Nossa Senhora Aparecida, com o grupo de jovens e educadores do Instituto Nossa Senhora Auxiliadora de Araras e Obra Social Salesiana de Apoio Fraterno (OSAF). Acreditar na capacidade da juventude não é utopia. O protagonismo dos jovens missionários, sua audácia permeada de alegria nata, com a maneira própria do ser salesiano, com toda certeza contribuiu de forma grandiosa para o anúncio da Palavra de Deus nesta missão. Quão gratificante foi esta experiência, todas as atividades próprias da missão foram vivenciadas profundamente, de modo muito particular, tenho-a como uma chama ardente que aqueceu ainda mais a resposta que procuro dar de forma positiva, neste seguimento à Vida religiosa como Filha de Maria Auxiliadora. Enfim, gratidão é o sentimento que prevalece, caminhar em busca do crescimento do ser é a esperança que me move, a partir desta nova experiência obtida”


Denise Alencar (noviça do primeiro ano) -Inspetoria Santa Teresinha/AM



     “Participei da Semana Missionária na Paróquia Jesus Ressuscitado, na comunidade São Judas, na cidade de Tremembé, SP. Foi uma experiência muito significativa. Participar com os jovens da semana missionária foi uma oportunidade de crescer humanamente. Encontrar as famílias, fazer a oração e bênção nas casas, brincar com as crianças no oratório, foi muito importante. Cada momento de encontro com as pessoas foi de animação e motivação para que participem da comunidade com muito entusiasmo. Marcou-me ver o protagonismo dos jovens missionários. Sem dúvida, essas experiências que são proporcionadas aos jovens são muito valiosas. Pois, no encontro com a realidade sofrida de muitas pessoas contribui para o amadurecimento pessoal. Para quem acompanha fica a lição de vida das partilhas e amizades.”


Ir. Denize Salvador - Inspetoria Nossa Senhora Aparecida, Porto Alegre/RS, assistente do noviciado interinspetorial



     “A experiência missionária, em Cássia dos Coqueiros-SP, com os jovens missionários do colégio Maria Auxiliadora de Ribeirão Preto, foi sem dúvida uma vivência profunda de fraternidade, fé e fortalecimento da vida cristã, demonstrado claramente na alegria salesiana, no espírito de família e no protagonismo juvenil. Foi uma semana singular na qual aprendi muito e sou grata pelos diversos momentos edificantes que vivi.”


Giselle Ferreira dos Santos (noviça do primeiro ano) - Inspetoria Maria Auxiliadora- PE



     “A Semana Missionária é uma experiência muito rica de aprendizagem, crescimento e fortalecimento na vocação. Estar em meio aos jovens é uma alegria. Pude perceber um clima de responsabilidade, doação e partilha. A visita às famílias foi um momento de aprendizagem, de escuta das necessidades de cada um que encontramos e de oração em conjunto com eles para testemunhar a palavra de Jesus. No oratório, meu sentimento foi de alegria em estar com as crianças partilhando e oferecendo o amor a Jesus Cristo. Enfim, expresso meu sentimento de gratidão a Deus pela oportunidade!”


Justiane de Jesus Pinheiro Ferreira (noviça do segundo ano) - Inspetoria Santa Teresinha/AM



     “A semana missionária é sempre uma oportunidade de encontro com Deus e com o próximo. Momento de ser presença fecunda e de se sentir fecundado pela presença de Deus nos sorrisos, olhares, histórias, alegrias e sofrimentos que encontramos. Este ano tive a alegria de integrar um grupo de 77 pessoas entre alunos, ex-alunos, assessores, irmãs e formandas. Nosso campo de missão foi em Tremembé- SP, na Paróquia Jesus Ressuscitado. Divididos em três grupos, atendemos a três comunidades pertencentes à paróquia. Destaco a alegria salesiana, sempre viva em nossos jovens e que transbordou nas partilhas com a comunidade e o protagonismo dos mesmos que, com seus jeitos singulares, abraçaram a missão e deram o seu melhor, com o desejo de levar o amor de Cristo àquela comunidade, espalhando o carisma de Dom Bosco e de Madre Mazzarello. Com o coração alegre, agradeço a Deus por mais essa rica experiência em meu caminho vocacional, onde pude sentir o apelo Dele em ser sempre presença fecunda onde estiver, pois o acompanhamento exige de nós dedicação, escuta, pois nossos jovens e comunidades estão sedentos de presenças que transformam a vida de forma positiva.


Luana Oliveira (Noviça do segundo ano) - Inspetoria Santa Catarina de Sena/SP



     “Nesse ano tive oportunidade de participar da Semana Missionária Salesiana, junto a juventude salesiana do Instituto São José e alguns membros de educadores (assessores), em Tremembé-SP, na comunidade Nossa Senhora da Imaculada Conceição, que tem por matriz a Igreja Nossa Senhora da Rosa Mística. Foi uma rica experiência de alegria e de espiritualidade salesiana. Realizamos visitas às famílias, bênçãos, partilha da Palavra de Deus e escuta junto as pessoas que encontramos. Pude contemplar a presença de Deus na alegria e no sorriso de cada criança e jovem, que estava no pátio. Fica forte para mim, o aprendizado da escuta, o espírito de família salesiana, o cultivo da espiritualidade do Bom Pastor, renovando o chamado de Deus, como também a esperança e o entusiasmo da parte dos missionários alunos do Instituto, o seu protagonismo. Pelos momentos vivenciados, com muita esperança, alegria e gratidão sinto-me fortalecida na fé, no carisma salesiano, no seguimento a Deus, em favor da juventude, opção de missão para minha vida.”


Maria Diana Azevedo (noviça do primeiro ano) - Inspetoria Santa Teresinha/AM



     “Participar da semana missionária com os alunos e assessores do Colégio de Santa Inês na cidade Torre de Pedra, foi uma experiência maravilhosa, onde pude confirmar a minha vocação junto ao povo mais necessitado. A semana foi um momento de enraizamento no amor de Deus que se fez presente na simplicidade das famílias visitadas, que foram testemunho de vida e estar no oratório junto as crianças e os adolescentes foi semear o amor profundo que Dom Bosco e Madre Mazzarello também tiveram com os meninos (as)”. 


Natalina Ferreira Melo (noviça do segundo ano) - Inspetoria Santa Teresinha/AM



     “A Semana Missionária, em Tremembé, na comunidade São Judas, foi uma experiência rica e significativa, foram dias vividos no espírito da partilha com os jovens, adolescentes e famílias.  Pude levar meu conhecimento, evangelizar e principalmente pude levar o amor de Deus. Ao mesmo tempo aprendi deles a alegria simples da vida cotidiana. Agradeço a Deus a oportunidade de experimentar, em meio as pessoas, a entrega, o doar-se ao serviço da evangelização, a experiência de vida e o crescimento espiritual. Tal experiência estará sempre presente em minha vida”. 

Olívia Maria Matas (noviça do primeiro ano) - Inspetoria Nossa Senhora Auxiliadora - PE



     “Tive a oportunidade, de fazer minha experiência missionária junto aos adolescentes da Casa Betânia de Guaratinguetá. Éramos um grupo de doze pessoas, contando adolescentes e assessores. Nossa experiência se deu na cidade de Roseira, situada no Vale do Paraíba em São Paulo, na comunidade São José, Barretinho. Afirmo que, com todas as experiências que fizemos de visita e benção nas casas, oratório com as crianças e adolescentes, celebrações com as famílias participantes da comunidade, a palavra que fica é gratidão a Deus, por seu imenso cuidado e proteção. Por proporcionar-me ir ao encontro da vida, pisar o solo sagrado da existência de cada pessoa, e colocar-me a escuta de suas histórias. Histórias carregadas de sofrimento e, portanto, enraizadas na fé e confiança na presença de Deus que sustenta e da força para seguir em frente. Ir ao encontro da vida, dos escombros da humanidade, fez-me questionar como sinto e valorizo a presença de Deus em minha vida.”

Tatiane Cristina das Graças (noviça do segundo ano) - Inspetoria Madre Mazzarello/BH 



     "A experiência vivenciada junto aos jovens na Semana Missionária, na Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora, em Canas, fez-me perceber o valor do protagonismo juvenil e do ardor missionário no coração de cada um. O encontro com as famílias nos ajuda a renovar nossa fé, pois em seus testemunhos percebemos uma entrega confiante em Deus, mesmo em meio as dificuldades e com histórias de vida tão sofridas. A fecundidade desta experiência é concretizada dia após dia no convite de Deus a olhar para os seus pequeninos e de nunca perder a fé e a esperança em sua presença sempre terna e constante".

Thaísa Mara de Souza (noviça do primeiro ano) - Inspetoria Madre Mazzarello/BH



     Com estes depoimentos  temos a certeza de  que estamos a caminho da conversão diária, a busca pela santidade junto com os jovens. Colocamos em prática o convite do Papa Francisco, que é importante cultivar a “cultura do encontro”, ser Igreja em saída, instrumentos de paz e fé. Entretanto, com nosso estilo próprio de ser, fazendo Jesus Cristo conhecido e amado, pois nossa meta é Jesus, nosso jeito é Dom Bosco e Madre Mazzarello.

Por Ir. Denize Salvador – BPA e Denise Alencar - BMT
Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home