Bom dia!           Domingo 23/09/2018     07:01

Juventude Missionária reflete sobre Espiritualidade Salesiana

Grupo acampou na Paróquia para entender e vivenciar o tema


     Entre os dias 22 e 23 de junho de 2018, o grupo Juventude Missionária (JM) promoveu um acampadentro na Paróquia São João Bosco. Estiveram reunidos 30 jovens entre JM, líderes da Adolescência Missionária (AM) e participantes do Grupo de Dança. O encontro possibilitou maior integração entre os grupos e sensibilizou os jovens para diversas vocações.

 Na noite de sexta-feira, o padre Rafael Galvão celebrou uma missa especial, refletindo sobre diversos momentos relacionados à vida dos jovens. Em seguida, Felipe Félix, educador do Centro Juvenil, conversou sobre o “ponto acessível para o bem”. Também houve uma dinâmica com Fábio Ruas, utilizando a dança como forma de expressão, e um luau, entre outros momentos de reflexão e vivência.

     No sábado de manhã, a Irmã Albertina compartilhou sua experiência vocacional religiosa e refletiu sobre assumir o chamado de Deus. Mais tarde, Rosângela Yarshell, diretora da E. E. Alfredo Paulino e ministra na Paróquia São João Bosco, contou como aplica a salesianidade em seu cotidiano com as crianças da escola e na vida.

     A jovem Ana Paula Campos destaca que a forma descontraída nos momentos de testemunho fez os jovens se sentirem mais tranquilos com o assunto. “Realmente foram dois dias de muita emoção, aprendizado, descontração e fé, que serão lembrados por cada momento”, explica.

     Para Julia Borges, do Grupo de Dança, participar desse momento foi muito mais que um aprendizado. “Esse encontro foi nos mostrou que as pessoas necessitam de algo. “É claro que a fé ‘move até montanhas’ e necessitamos não só lembrar disso todos os dias, mas colocar literalmente a mão na massa e exercer tudo aquilo que Jesus nos ensinou, fora do ambiente paroquial, que é ainda mais difícil”, enfatiza. “Que nunca esqueçamos que fazer o bem é possível onde estivermos e que tenhamos sempre em mente que esse Espírito Salesiano, que tanto nos anima e nos encoraja, está em todos os lugares, basta querermos”, conclui Julia.

Por Sylvia Milan, Pastoral da Comunicação
Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home